“E, quando orardes, não sereis como os hipócritas; porque gostam de orar em pé nas sinagogas e nos cantos das praças, para serem vistos dos homens. Em verdade vos digo que eles já receberam a recompensa. Tu, porém, quando orares, entra no teu quarto e, fechada a porta, orarás a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará. E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque presumem que pelo seu muito falar serão ouvidos. Não vos assemelheis, pois, a eles; porque Deus, o vosso Pai, sabe o de que tendes necessidade, antes que lho peçais” (Mt 6:5-8).

Como Isa Ensinou os Seus Discípulos a Orar
Em Mateus 6:9-13, Jesus nos ensina a como orar a oração de Allah. Essa oração não foi feita para substituir o nosso tempo de oração pessoal com Allah, nem uma transcrição a ser recitada, mas é uma oração que busca a Allah, a Sua vontade e orientação em nossas vidas. A mensagem carrega muito mais do que apenas a forma como as palavras são ditas.
“Quando você orar, não seja como os hipócritas que ama orar publicamente nas ruas e nos templos aonde todos podem vê-los. Lhe digo a verdade, eles jamais conseguirão a real recompensa. Mas quando você ora, se afaste dos outros, feche a porta e ore ao seu Pai em particular. Então, o Seu Pai que vê tudo, lhe recompensará.
“Quando você ora, não fique murmurando como os Gentios fazem. Eles pensam que suas orações estão sendo respondidas apenas por repetirem as palavras. Não seja como eles, pois o seu Pai sabe exatamente o que você precisa antes mesmo que você peça! Ore assim::
Pai Nosso que estás nos céus,
Santificado seja o Vosso nome.
Venha a nós o Vosso reino.
Seja feita a Vossa vontade,
assim na Terra como no Céu.
O Pão-Nosso de cada dia nos dai hoje, perdoa as nossas ofensas,
assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido.
E não nos deixe cair em tentação, mas livra-nos do Mal.
Será que Isa realmente nos ouve se O chamarmos de todo o coração?
Desde quando éramos crianças, sempre queríamos um melhor amigo que pudesse estar conosco quando precisássemos dele, para nos ouvir, aconselhar e amar. Isa Al-Masih é o melhor amigo para toda a vida que sempre quisemos. Sobretudo, o Seu relacionamento conosco sempre existiu, nossa carência em conhece-lo ou nossa desconexão com Ele é que contribui para um relacionamento distante. Mas Ele mesmo disse que jamais daria as costas para aqueles que forem à Ele.
“Todo aquele que o Pai me dá, esse virá a mim; e o que vem a mim, de modo nenhum o lançarei fora”(Injil, Jo 6: 37).
Essas palavras são do próprio Jesus. Tudo o que precisamos fazer é acreditar e Allah fará o resto.
Como Podemos Conhecer Allah em um Nível Pessoal
A fim de termos um relacionamento pessoal com o nosso Criador, temos que entender quem é Jesus. Jesus é mencionado tanto no Alcorão como na Bíblia, com duas representações diferentes, mas ainda assim similares; porém ambas as descrições foram inspiradas por Deus, e portanto, ao olharmos para a Bíblia a fim de compreender, Jesus nos revela uma imagem mais ilustrativa de Allah.

A melhor forma de conhecer Allah em um nível pessoal é estudar a vida de Isa Al Masih e identificar todas as formas em que Ele é o Jesus humano, como também o Jesus Unificado com Deus.

Para entender a vida de Isa Al Masih, por favor consulte o Desejado de Todas as Nações na aba “Recursos”.

Quão Importante é a Oração
A oração é absolutamente essencial para alcançarmos um relacionamento com Allah. Muitas vezes achamos que passar tempo com Deus requer tanto esforço quanto passar tempo com nossa família e amigos. Além disso, temos que tomar mais cuidado com esse relacionamento do que com todos os outros. Isso Não deve ser um momento para se recitar uma oração específica, mas uma oração que consagramos totalmente a nós mesmo e à Allah.

A oração não é apenas um momento para pedirmos o que queremos e esse não deveria ser o único momento em que oramos. Isa Al Masih nos disse: “Buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas” (Mt 6:33). Muitas vezes oramos por coisas em nossas vidas, um novo trabalho, um cônjuge, cura, ajuda financeira, talvez até um novo cachorrinho. Não importa o motivo, buscar Allah por querer algo não é a única razão de irmos à Ele. Vamos antes à Ele, apenas por buscá-lo, Sua presença, Sua orientação e tudo nos será acrescentado.

Allah conhece o nosso coração, Ele sabe nossas circunstâncias, sabe quando fazemos algo errado mesmo se não nos arrependemos. Mas é através do desenvolvimento de uma relação com Ele que tudo o que desejamos começa a funcionar, nem sempre como nós achamos melhor, mas como Ele acha.

Algo para se pensar: se seus amigos e familiares viessem a você apenas para receber algo. E se esse fosse o único momento em que eles falassem com você, perdendo tempo no dia deles? Como você se sentiria? Agora Imagine Allah ouvindo tantos pedidos, mas com poucas tentativas de construir um relacionamento com Ele. 

Categorias: Teachings

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Português do Brasil
English العربية Español فارسی Português do Brasil